O amante do meu serviço

Ola pessoal! Tenho 24 anos e sou casada a 4 anos e meio. Estou no meu 2º casamento. No inicio do meu relacionamento tudo era maravilhoso, eu me sentia feliz, amada, desejada, meu marido me completava e eu nunca se quer pensava em trair pois ele não merecia. Com o passar do tempo as coisas começaram a mudar, ele mudou, eu mudei. No ano passado comecei em uma empresa nova, trabalhava com muitas pessoas, a grande maioria homens, e um desses homens me chamou a atenção, e ele começou a me chamar pra sair, ele também era casado. No inicio eu levava na brincadeira ria, dizia sim vamos sair é só marcar, mas não pensava em fazer isso. Nessa mesma época meu casamento começou a ficar complicado, meu marido e eu brigávamos muito. Até que um dia eu pensei em aceitar sair com ele, liguei pra ele e disse que já estava liberada do serviço e ele prontamente falou que iria me pegar, saímos mas não ficamos muito tempo. Naquela ocasião não fizemos nada mais profundo, mas mesmo assim foi maravilhoso sentir aquela sensação que a tempo não sentia, me senti como uma adolescente. Estávamos juntos no carro e meu marido me ligou avisando que estava indo para casa, tive que ir correndo para casa, para ele não desconfiar. Ele me largou próximo a minha casa, no outro dia nos vimos, mas agimos normalmente para não levantar suspeitas, Ficavamos nos olhando, conversando, eu ligava pra ele e passávamos horas conversando. Demorou 3 meses até sairmos de novo, foi na véspera de natal, outra vez foi maravilhoso, também não fizemos nada mais além nesta ocasião eu tinha receio ainda. Ficamos um tempo juntos e eu pedi para ir embora pra não levantar suspeitas. Nós nos dávamos muito bem, mas ao mesmo tempo brigávamos também, eu tinha ciumes dele pois ele era e é muito sem vergonha, ele também tinha ciumes de mim, ele não dizia mas eu sentia pelas coisas que ele falava. Passou mais um tempo e em fevereiro saímos mais uma vez, e dessa vez rolou, foi muito bom novamente, as sensações, o prazer de estar com ele, era muito bom. Depois de um tempo tivemos uma briga feia, pois nessa época já comentavam sobre nós, nós não conseguíamos nos manter controlados sem deixar pistas e ele, eu tenho certeza embora ele negue, que ele falou para outras pessoas do nosso caso. Ficamos sem nos falar quase um mês, até que em março eu sai da empresa, lembro que quando eu dei xau pra ele, ele não acreditava, percebi o jeito que ele me olhava de longe, eu sei que um pouco que fosse eu mexia com ele. Sai da empresa e ficamos muito tempo sem nos falar, mas eu nunca o esqueci, sempre lembrando dele, sonhando com ele. Comecei a trabalhar em outra empresa, comprei um chip da mesma operadora dele e liguei… Não consegui aguentar, conversamos, marcamos de sair, mas nunca dava certo. Sai desta empresa também e comecei em outra, perto do local que ele também trabalha, saindo do trabalho um dia, vi ele, liguei e fui até ele, peguei carona com ele, mas nada demais até ai. Quando fui dar xau ele me beijou, nossa aquela sensação voltou novamente, aquele sentimento que eu sentia por ele, e que não sei descrever o que é voltou, ele me chamou pra sair e eu prontamente aceitei. Saímos e ficamos juntos novamente. Nesse dia combinamos de sair num lugar decente, porque sempre ficávamos no carro. Fui embora, me sentindo realizada, pensando nele o tempo todo. Na segunda combinamos de sair, fomos a um motel. Foi maravilhoso, eu amei estar ali com ele, aquele sorriso dele, aquela boca dele. Depois disso nos falamos por telefone, pois faz apenas 4 dias isso. O problema é que sempre eu corro atras e  ligo. As vezes ele some, não liga, as vezes liga. Eu não sei mais o que fazer porque cada dia que passa eu penso mais nele, minha vontade de estar com ele é maior. Sei que estou errada em fazer isso, em manter um caso fora do casamento, mas eu não consigo, é mais forte do que eu a vontade de estar ao lado dele. Peço que me ajudem pois não sei mais o que fazer, preciso de uma opinião, algo assim…

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

1 Comentário

  • Conversa com seu amigo, vocês se separam de suas famílias e vão viver esse amor. Vê o que ele acha disso.
    Depois que ele te chamar de louca por cogitar uma coisa dessas, você volta aqui e confessa o quão está arrependida e como se deixou levar pela situação e blá blá blá.
    Pensa mulher, qual a chance disso dar certo!!!!