Não quero ser lésbica

Estou com um grande problema e não consigo conversa com um padre pessoalmente…
Eu me envolvi com uma pessoa do mesmo sexo e moro em uma cidade e ela em outra… nessa loucura chamei ela para morar cmg. Eu fiz besteira e mto, eu sei bem disso não deveria ter deixado me envolver assim e estou MUITO ARREPENDIDA DO QUE FIZ. Eu não quero mais isso pra mim eu não gostei eu não sei pq fiz isso padre, mas eu me sinto culpada de ter tirado-a de dentro de casa e agora larga-la por ai… eu sei q os pais dela aceitariam com certeza, eu queria saber se é pior ainda oq estou fazendo, queria uma resp de alguém, me ajudem, eu não consigo mais viver com isso, não e isso que eu quero! então por favor me ajude. Obrigada

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

4 Comentários

  • Olha, querida, você deve ter feito isso por conta de uma “simples” curiosidade de saber como é beijar, namorar, viver com outra pessoa do mesmo sexo, mas isso não significa que você SEJA uma lésbica, como eu falei, talvez você tenha apenas agido em nome de uma curiosidade acumulada, por um impulso, coisa de momento, etc…
    Eu não sou padre e nem tenho TANTA experiência assim, pois tenho apenas 19 anos, mas posso te dizer que de certa forma você fez errado sim, por ter depositado tal confiança nela ao ponto dela deixar os pais pra ir viver com você e agora você a ter deixado “por aí” como você mesma mencionou, mas por outro lado, nem tanto, vc apenas esta se redescobrindo e aprendendo sobre a si mesma, querendo mudar, querendo seguir o caminho que seu coração diz pra seguir e isso é algo que diz a respeito a você mesma, só a VOCÊ. O conselho que eu posso dar a você, é que tente conversar com ela e explique sobre seus conceitos, seus desejos e que não é bem isso que você quer pra você, não tem nada melhor do que uma conversa sincera, mas tente falar isso da melhor maneira, que menos a machuque, até pq difícil dizer a alguém que nos ama, “eu não quero mais viver com você”. Vai magoar ? COM CERTEZA, mas é a melhor forma de você viver em paz, sem aquela tal “culpa”, sem se sentir mal depois, mas não a deixe desamparada, tente fazer ela voltar pra casa, só não a deixe assim.
    #SigaSeuCoração
    #BonecaDeFerro

  • olha menina Deus abençoe a vc mais converse com ela e que vcs podem ficar, mais sem compromisso fixo peça um tempo se ela gosta de vc ela aceitarar

  • olá, quero ter um namoro santo, estava lendo um artigo na internet tinha lá que caricias são um jeito de sexo, então estou pecando… meu namorado não me pressiona nem nada, mais tenho medo de estar pecando contra aquele que é responsavel por todas as minhas realizações. O que fazer?

  • Olá querida, não se desespere. Primeiro, pense bem direitinho no que você realmente gosta e quer para sua vida, não pense que porque relacionamentos homossexuais não são aceitos por algumas pessoas que será algo prejudicial para você, tire isso da cabeça. Você não fez nada errado, não se culpe. Eu tenho muitas amigas lésbicas que são muito felizes com suas parceiras e têm um relacionamento ótimo com as pessoas ao seu redor. Isso não é um motivo para ficar triste ou arrependida. Simplesmente aconteceu. Se você acha que não gosta e que isso não é para você, então pare , conte para a sua parceira, fale a verdade e alivie seu coração. Mas faça isso por você mesmo, não pelos outros, pelo que vão pensar, pela igreja… A única coisa errada que podemos fazer na vida é o mal a outra pessoa, mas você não estará fazendo mal a ninguém nem a você mesma, desde que seja da sua vontade. Eu descobri hoje que tenho uma doença sem cura, mas desde muito tempo já sabia e entendia o valor de viver em consigo mesmo. Eu sei que as pessoas que veem até aqui têm um monte de problemas mal resolvidos na cabeça, e sei o quanto é dificil ter certos tipos de problemas que nos achamos sem esperança e sem ninguém com quem contar. Lembre: SEJA VOCE, SEJA FELIZ, acima de tudo. Respeite as pessoas, a sua parceira e respeite a você mesmo, permintindo-se ser feliz do jeito que você acha que tem que ser e como se sente bem. Só temos uma vida e temos que saber aproveitar o máximo, dando e recebendo amor. Não se preocupe, pense no que você realmente quer de verdade e VIVA!