Sou um ser desprezível

Meu Deus, porque sois tão bom, tenho muita pena de Vos ter ofendido, ajudai-me a não tornar a pecar.
Meu Deus, estou muito arrependida e com muito peso na minha consciência, por favor em nome de Jesus perdoa-me de todos os meus pecados. Sou uma pecadora com muitos pecados.
Quando tinha 18 anos pratiquei um aborto. Não serve de desculpa mas na altura ainda andava na escola, seria um desgosto muito grande que daria aos meus pais e o namorado que tinha na altura não me deu qualquer apoio, passado pouco tempo separamo-nos. Resumindo, na altura achava que não tinha condições quer psicológicas quer financeiras para cuidar de uma criança. Nunca o deveria ter feito….
Passado uns anos conheci o meu marido. Namoramos durante 6 anos e depois casamos. Estava casada à mais ou menos 2 anos e meio e engravidei, passado pouco tempo tive um aborto espontâneo. Terá sido castigo por aquilo que fiz? Passado um ano voltei a engravidar mas era uma gravidez ectópica. Cheguei mesmo a pensar que nunca iria ter filhos. Sofria em silencio pois ninguém (só eu e Vós) sabe o que fiz. Pensava para mim “é o castigo por aquilo que fiz”. Felizmente para minha alegria em 2011 voltei a engravidar e em Janeiro de 2012 nasceu a minha filha que é a coisa mais preciosa que tenho.
Infelizmente os meus pecados não se ficam por aqui.
Desde muito cedo que levei uma vida muito acima das minhas possibilidades financeiras. Então retirei dinheiro aos meus pais, irmão, avós e até mesmo a alguns vizinhos. Umas vezes fui descoberta, outras vezes não. Também já fiz uns “desvios de dinheiro” no meu trabalho, os meus patrões não sabem de nada. Sou uma ladra. Não me sinto nada bem com esta situação e estou determinada a parar, por mim e pela minha filha que vai fazer dois aninhos. Que exemplo é que uma mãe destas lhe vai dar para a vida.
Ninguém sabe de nada nem mesmo o meu marido. Ando com uma angústia enorme e tenho muito medo e vergonha de ser descoberta, o que será da minha vida se perder o emprego. Olho para os meus patrões, que são excepcionais comigo, e penso no ser desprezível que sou por ter andado a rouba-los.
Vós sabeis que no fundo eu tenho em bom coração, mas fiz estas coisas e não as posso apagar da minha vida, embora o quisesse.
Em nome de Jesus, perdoai-me meu Deus e ajudai-me a enfrentar a vida de uma forma decente. Ajudai-me a nunca mais cair em tentação.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

2 Comentários

  • Tenho 12 anos, tive um problema com Deus também, pretendo me confessar o mais rápido possível. Eu, há uns 3 ou 4 anos, não entendia quase nada de religião (não sabia nem a diferença de Deus para Jesus para você ver o “tamanho de minha sabedoria religiosa”) e briguei com os meus pais, e sabia que era errado, mas não sabia da gravidade toda do pecado. Achava que a culpa era de Deus/Jesus (no caso eu não sabia a diferença) e eu acho que fiz isso umas duas vezes, xinguei Deus e Jesus. Hoje entendo da gravidade disso, não quero mais pecar !!! Vou me confessar o mais rápido possível e nunca mais fazer isso, peço a Deus todo o dia que me perdoe, e a Jesus Cristo, meu Redentor e Salvador, que me perdoe também pelo que fiz na minha época de ignorância. Hoje sou diferente, procuro saber mais de religião, sempre quero estar perto e no caminho do senhor Jesus Cristo, me confesso também que comunguei sem confissão. OBS: Não sabia que não podia. Deus vai nos perdoar, pois Deus é misericordioso e dono de toda a verdade, Deus lhe abençoe, fique na paz do Senhor !

    Amém !

  • Que maravilha que consegue ver todos os seus erros.Este é o primeiro passo para a
    reconciliação consigo própria e com Deus.Deus diz “Nada temas, eu estou contigo”.
    Por isso não tenha medo,pois garanto-lhe que existe um Deus misericordioso pronto para lhe perdoar todos os seus pecados antigos e recentes.Diz na Bíblia: “Digo-vos que assim haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento”.Não tenha medo de se confessar de tudo a um padre e vai ver que se libertará e sentir-se -á renovada e pronta a ser uma nova mulher daqui em diante. Força e coragem!