Tenho vinte e poucos, sou virgem e nunca namorei

Eu sou uma moça na casa dos 20, virgem e nunca tive namorado. Tenho formação superior, sou bilíngue (autodidata) e trabalho com crianças de 4 a 12 anos com dificuldades e problemas mentais, deficiências físicas e síndromes. É muito trabalho e pouquíssima recompensa financeira, dependemos de doações, mas me sinto bem em ajudar e sinto que tenho um compromisso com elas. Ainda preciso da ajuda de minha mãe para me manter, e enquanto isso vou tentando passar em um concurso. Não sou muito de folias e festas. Eu gosto de cinema, rock, galeria de arte, teatro… mas aqui na minha cidade não tem nada disso. Apenas uma biblioteca na qual eu chego a passar uma manhã ou tarde inteira, quando posso, e um café que eu vou uma ‘vezinha’ ou outra nos fins de semana com minha única amiga. Há mais de 1 ano eu estou interessada em um homem, eu senti algo diferente quando o vi pela primeira vez, nós começamos uma amizade, conversávamos, sorríamos juntos…mas então fiquei sabendo que ele tem uma namorada. Meu mundo desabou porque eu planejava contar meus sentimentos à ele: que eu sinto mais do que amizade, que o que eu sinto por ele nunca senti por ninguém antes. Mas desisti porque não quero interferir com um casal. Eu não conheço a namorada dele, só escuto pessoas contando como ela é esnobe, mas isso eu não posso palpitar porque nunca a vi pessoalmente, só por foto. Pulando para alguns meses depois, eu fui caluniada e injuriada por uma empregada dele (ele tem uma pequena empresa e eu estava lá como cliente), não fiz escândalo e fui contar a ele, só que ele não deu atenção. Fui embora de lá chateada porque esperava que ele tomasse alguma atitude: dar uma advertência ou algo assim. Um advogado me disse que o que aconteceu foi sério e motivo para processo. Continuei conversando com o advogado como se eu fosse processar porque se eu dissesse que não tinha intenção ele não ia me atender. Eu apenas queria entender um pouco e formular um argumento porque eu pretendia conversar amigavelmente e saber porque ele não tomou atitude, mas não quero prejudicá-lo. Até que eu decidi marcar a conversa. Foi um desastre! Ele se alterou e defendeu a empregada. Eu estava sem palavras, pois não espera esta reação dele. Agora ele está com raiva de mim e diz que eu o “traí” por ter sido honesta sobre ter consultado um advogado! Isso nem é mesmo justo! Eu poderia ter omitido isso e ele continuar me tratando bem. Fui eu quem foi desrespeitada, eu quem tinha que ficar brava! Eu só queria me esclarecer com ele! Estou tão triste porque as minhas chances com ele foram dizimadas. Ouvi que ele vai casar com a namorada…já chorei tanto e tive um febrão. Eu sofro escondida, sozinha, ninguém sabe que o amo. Isso é tão doloroso…não é uma paixonite que dura uns dias e vai embora. Faz 1 ano e meio e continuo sentindo isso. Desisti do processo por ele. Todas as colegas e primas têm namorados, estão noivas e algumas tem até filhos. Eu estou sozinha e 12 de junho está chegando para aumentar meu sofrimento. Não sou uma modelo, mas me acho bonita, mas não sei por que eu pareço invisível aos homens. Para eles eu sou somente a garota simpática e boazinha que gosta de ajudar os outros. Para piorar acho que meu relógio biológico está batendo: se vejo uma mulher grávida, eu sinto angústia…Ontem estava brincando com minha priminha e minha mãe disse: “vai treinando para quando você me der um neto.” Minha boca amargou e me deu um nó na garganta porque possivelmente nunca vou dar um neto a ela. Meu querido pai faleceu há 7 meses atrás e eu sou a única filha que não deu um neto a ele. Eu tenho sido uma pessoa boa, sempre tento ir no caminho do bem, e as pessoas se aproveitam de mim, da minha bondade e eu não tenho defesa nenhuma porque quando busco ajuda e digo o que está me estressando eu ainda saio como culpada! As pessoas que eu gosto me odeiam! Por que eu sou rejeitada? Eu rezo todas as noites e peço a Deus e ao meu anjo da guarda para me fortalecer, acendo uma velinha, as vezes rezo chorando. Mas sinto que todas as portas estão fechadas para mim. As vezes tenho vontade de dizer tudo a ele, de desabafar mas logo desisto…Não sei o que fazer…:'(

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

11 Comentários

  • Hj em dia está cada vez mais dificil um homem ou até mesmo uma mulher querer compromisso. As pessoas querem apenas ficar e claro manter relaçoes sexuais se compromisso. Se o cara acha que vc vale a pena, com certeza vai investir em namoro. Se quer namoro sério sem sexo, vai ter que procurar isso naquelas Igrejas Evangelicas tipo Congregação (não vou falar assembleia, iurd – pq tem mta gente sacana nesses lugares tb) – minhas amigas cresceram nessa igreja, namoraram sob autorização da familia dos noivos e tiveram filhos mais ou menos com 23, 24 anos – uns 2, 3 anos depois do casamento e formatura. Lá é assim namorou, os pais já tratam de agendar o casamento. Minha amiga tá casada até hj, nada de divorcio. Eu já desencanei disso tudo. Tb dei adeus a relogio biologico, pq é certeza que so vou engravidar depois dos 35, 40 anos, via doação de esperma e de preferencia em clinica de reprodução. Farei isso se quiser me realizar inteiramente como mulher. Já tenho 26 anos. O tempo que tenho p pensar, é em estudar e na minha carreira. Como nunca namorei, fiquei – não é de agora que isso vai acontecer. E tome cuidado ao dizer que é virgem, pois mts pessoas podem se aproveitar dessa condição para caçoar de vc ou simplesmente te comer e vazar! dura realidade.

  • E eu sou um garoto de 17anos , nunca namorei, fiquei com seis garotas na minha vida, nunca transei (sim eu sou virgem), nunca usei drogas e nem vou, não bebo , não saiu pra festas , gosto de estudar, me chamam de bonito , sou alto, moreno, sei a hora de brincar , levo as coisas muito a serio,tenho muita fé em Cristo (amém) e quero um dia casar com uma garota que seja pelo menos metade disso tudo que eu sou ..Obrigado pela atenção de vcs e é isso ai ..tchau ..

  • Olá minha fantasia é poder fazer sexo só depois que eu encontrasse a pessoa amada digamo que eu ainda sou virgem, e minha fantasia com uma pessoa amada e muito difícil porque me grau de exigência e muito grande, quero muito perde com um homem virgem, não que eu não encontrasse felicidades em um não virgem jamais pensaria assim. Acima de tudo ta o caráter da pessoa mais uma coisa é certa encontasse um homem virgem para que nós nos cassássemos e nos descobríssemos um ao outro a partir de nossas coriosidades e ingenuidades eu adoraria. Pra mim menina , seria uma descoberta fascinante. Esto guardado para presentear meu marido como símbolo de amor, respeito e felicidade tenho 17 anos
    Me adiciona no facebook: Manúùh Nogueira

  • Olha, o conselho que te dou e nao esperar por príncipe encantado. Vc já se decepcionou com esse homem e pode sofrer na mao de outro.
    Acho que esse rapaz deve ter algum enrosco com essa funcionaria dele com certeza.
    Segue a tua vida normal, vai estudar mais, continua trabalhando, estudando para concursos, enfim, nao perde o seu tempo pensando em alguem que nao te ama. Sei que isso doi, já passei por essa mesma situação e ainda passo. E nao vale a pena amar quem nao ama a gente. Sempre e assim: o amante faz tudo pelo outro, da o mundo pra pessoa e o amado olha pra vc como se vc fosse lixo. Nao se importa com o sofrimento alheio.
    Acho melhor continuar estudando e trabalhando e num desses lugares que vc frequenta algum bom rapaz vai prestar atenção em vc.
    Amor assim e sem futuro. Depois os anos passam e vc lá na frente vai ver que só perdeu tempo e que tinha muitas outras opções melhores. Nao para em quem nao gosta de vc. Ele nao e o único homem do mundo. Vc tem que crer, acreditar em vc.
    Recomendo vc procurar um outro amor, mas um homem e nao um meia colher de pedreiro.
    O tempo passa e nao espera. Aproveita a sua juventude. Muda o visual.
    Ah, vai ficar esperando um homem. Ta cheio de homem no mercado.
    Qto menos vc falar dele bem ou mal e mais fácil pra tirar da cabeça. E qdo rezar nao pede ele pra Deus pq assim tb vc fala dele, lembra dele.
    Parte pra outra. Perdoa o que ele te fez e esquece.
    Já pssei por isso. E quase a pessoa destruiu a minha vida física. Nao vale a pena. E outra mesmo que casemos nao ha garantias no casamento. Tudo e muito instável.
    Para de ficar esperando por ele que o tempo vai passar vc vai ficar velha.
    Sai sai sai, vai se divertir.
    Qto aos concursos tem o – forum concurseiros – que e muito bom. E só acessar o site pela busca do google. Lá tem dica de material didático, etc.
    Esperar só por Deus. Esse nao falha. Mas por ser humano e pura perda de tempo.

  • Eu também sou assim mesmo …escrevestes+/- a minha historia , esta muito difícil arrumar alguém nessas condições.

  • Oi! Olha, estar apaixonada e não ser correspondida doi muito e mais ainda quando sabemos que ele gosta de outra pessoa! Mas o sentimento, não vai embora e é como sempre fosse a primeira vez ao olhar ou lembrar dele! Mas isso só vai passar quando você encontrar o verdadeiro Amor! Se apaixonar pela pessoa que te corresponde e te faz feliz e mais se sente feliz em estar com você! Relaxe e seja sempre você mesma! Mas tente sair um pouco mais, ninguém vai bater na sua porta e se dizer apaixonado por você! Parabéns pelo seu trabalho, sou Babá e sei como é gostar de crianças. Você vai superar esta fase, mas largue do passado, deixe ele viver a vida que ele escolheu e faça a sua feliz! Beijos

  • Oi linda, vc tem face?

  • Boa tarde. Que DEUS te abençoe pelo trabalho que vc faz. E te peço que ore a DEUS para que encontres um rapaz que te faça feliz. E sobre a situação esqueça o sentimento que por um tempo vc sentiu por ele,e com certeza entre com um processo por danos morais. Que DEUS te abençoe

  • Bem, reconheci-me em vocês; sei como sente-se, passei por algo semelhante dois anos e três meses atrás… Dói, dói, dói porque não conseguimos escutar uma música sem lembrar dele, dói porque não entendemos onde é que essa música toca, dói porque o amamos… Dói, porque nos conhecemos e sabemos que o faríamos felizes, dói amargamente no peito… Doí por que sofremos por não conseguir esquecê-los… Dói ardentemente…
    Não sou a pessoa mais experiente do mundo, assim como você, com relação a relacionamentos, sempre fui considerada a menina exemplar da classe, a aluna nota dez, a talentosa, estudiosa, charmosa, genial, determinada… A mais linda, não, nunca fui a mais linda… Sou única, não mentirei em dizer que beleza não é importante, pois é… Sou alguém que assim como você é reconhecida por bondade, já fui traída por “amigos”… Não compreendo porque as pessoas me odeiam… Mas como dizem, vivendo e aprendendo… Primeiro valorize-se.
    Eu mudei de colégio ano passado, era um concurso e eu passei, acertei quarenta e três das quarenta e cinco questões, cerca de 93% de aproveitamento… Mudei de colégio e não o vi por certo tempo… Enfim, eu o odiava, odiava mesmo… Mas o tempo passou, fui novos colegas de classe, e um amigo, um amigo que me curou (risos) não estamos namorando, não, eu achei que estava apaixonada por ele, comuniquei-o até, mas eu sabia desde o início que era amor, não paixão… Esse meu amigo despertou em mim um lado que eu não conhecia direito, aprendi tanto, li, reli livros, e quando percebi eu evolui… Sou alguém muito melhor… Hoje em dia faz tempo, como eu disse mais de dois anos, como dizem nada como o tempo, e é verdade, com o tempo percebi que ódio é amor doente, que jamais poderei esquecer aquele garoto pois ele é parte de mim, descobri que todo dia é um dia novo e que eu escolho o que devo fazer, descobri que sempre vou amar pois sou amor, percebi que isso tinha que acontecer apesar das lágrimas, depressão, pois hoje me tornei alguém magnifico, percebi que basta tempo e paciência…
    Então primeiramente ama-se, e amar é respeitar-se, disciplina para fazer acontecer o que se deseja, lutar para conquistar os objetivos; então você quer se declarar? Então declare-se! Você quer ser mãe? Tem condição para manter a criança? Reflita! Tenha paciência, pois nada como o tempo. Você é tão nova… E não esqueça que Deus escreve certo por linhas tortas, pois tudo tem um motivo.