Acho que sou lésbica por carência

Namoro há 5 anos, desde os meus 15. Ele tem 26 anos mora com a mãe, a irmã e a sobrinha, ele ganha relativamente bem mas poderia ganhar mais se, se esforçasse mais, coisa que ele não faz, não terminou o 3° ano diz que quer casar, ter filhos e vive na utopia ridícula de que poderia conseguir essas coisas sem lutar, detalhe que ele da metade do salário dele em casa e o resto paga contas as vezes ficamos 6 meses sem sair e eu não saio sozinha, a não ser com minha irmã e algumas reuniões de partido e um grupo feminista que eu participo!
Eu penso em fazer faculdade, tive uma excelente nota no ENEM, passei para uma Universidade da minha cidade em 1° lugar pro curso que eu queria, mas por ‘n’ motivos não pude cursar, sei que eu consigo passar de novo MAS ele querendo casar e estando ‘paralítico’ onde está, ele acha que eu não quero… E que meus estudos só vão atrapalhar as coisas, coisa de gente com cabeça pequena. Eu já tive relações com outras mulheres mas só agora me interessei de verdade em ‘uma’ mulher. Como ele mora com a mãe dele e eu moro com a minha mãe, não fazemos ‘sexo’. Damos sempre ou quase sempre uma rapidinha, isso quando ele goza e depois não tenta me fazer gozar. Quando eu fiquei com essa mulher eu não me arrependi, na hora pensei ‘Ele quis dessa forma, ele me deixou escapar’.
Então ficamos durante uma viagem num amasso surpreendente dentro de uma van depois na mesma semana ficamos de novo, nos encontramos mais uma vez socialmente mas ela ficou do meu lado, caminhou comigo até o ponto de ônibus e conversamos até o último ônibus passar, agora vamos nos encontrar, eu vou dormir com ela. E então eu penso ! Será que o que sinto é carência e encontrei o que eu precisava nela e devo dar uma outra chance a ele ! Ou . . . Eu termino tudo!
Quando eu vou terminar com ele, ele chora, faz um drama do C@r&lh0! Diz que vai mudar mas eu não acredito mais. Quero ser livre, tudo eu tenho que ficar explicando pra ele, onde estou, com quem, ele pergunta tudo, até quando saio com a minha mãe eu sou muito mais maleável não fico invadindo a individualidade de ninguém. Eu não tenho mais paciência pra estar com ele.
– Me ajudem por favor, alguém já passou por algo assim !

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

1 Comentário

  • Bom. Eu acredito que ao longo da nossa vida passamos por uma fase de curiosidade. De experimentar coisas novas. Mas chega uma hora que a fase de experimentar pra ver o que realmente gostamos não é mais tão atraente, e buscamos algo certo. Se teu relacionamento está ao nível de você se sentir sufocada, e ser movido por piedade ou esperança, infelizmente essa não é uma coisa agradável. Você pode estar ainda com ele, porque não quer machuca – lo ou tem medo de perder e se arrepender, mas olhe pra situação, já o perdeu e está perdendo tanta coisa. Você o perdeu a partir do momento que ficou com outro alguém, porque a fidelidade que é a base em um relacionamento não possui mais. Você está perdendo, quando empurra esse relacionamento, dando sempre uma nova chance, pra algo que aparentemente já não existe, o Amor. A melhor maneira de resolver a sua situação é terminar esse relacionamento da melhor forma e super amigável. E se você ter certeza que pode iniciar o novo relacionamento com a pessoa que te desperta interesse, invista, e faça de tudo pra dar certo. Mas nunca esqueça em colocar a sua felicidade em primeiro Lugar!