Minha vida não tem mais sentido

Tenho 21 anos recém completados, uma família boa mas muito confusa e cheia de problemas, um namoro de 4 anos com uma pessoa que se preocupa comigo mas porem não entende minhas depressões… desde pequena vivo soterrada de problemas, mas mesmo assim sempre tentei ser uma boa pessoa, ajudando ao próximo e não fazendo mal a ngm…mas a vida sempre foi ruim comigo, não tenho mais base emocional para nada e os últimos dias tem muito peso comigo, trabalhei 6 meses para comprar um smartphone gastei tudo o que eu tinha, sei que parece ridículo porem o aparelho tinha meu mundo, qndo tudo estava muito pesado eu ouvia musica e tudo parecia suportável mas durou pouco, fui roubada dentro de um ônibus com 30 pessoas ao redor e ngm me ajudou em nada nem mesmo a policia e o que é irônico é que sempre fui ateia e no momento que fui roubada eu estava ouvindo musica evangélica e achando que talvez Deus realmente existisse… no final só me ferrei, mas não, eu não qro morrer por um celular, eu qro morrer pq só me dou mal na vida, não me acontece nada de bom, não to trabalhando, não tenho nada, todos os dias minha família me mostra o qnto sou inútil e meu namorado diz que a minha depressão é frescura de quem não tem o que fazer…Só não me suicidei ainda pq sou uma covarde incapaz até mesmo de acabar com a minha própria vida… sinceramente nem sei pq sou uma pessoa boa e me preocupo com as coisas ao redor. Eu só queria sumir mas nem isso consigo.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

7 Comentários

  • Bom, eu nem sei por onde começar! Na verdade nem sei porque estou desabafando aqui. Enfim, eu não aguento mais essa minha vida, acabei de fazer 18 anos e to com muito medo, medo de tudo que me espera, minha mãe tem depressão e é meio bipolar, desde os 15 anos não me dou mais bem com ela, é difícil, ela não gosta de mim, vivemos como inimigas, ela ama muito meu irmão de 5 anos, se preocupa muito com ele, meu pai só sabe trabalhar pra sustentar a casa, tenta sempre se mostrar feliz pra nós, minha mãe apenas fica “feliz” comigo quando pra variar eu limpo a casa, parece que sou escrava aqui, é como me sinto, tenho que cuidar do meu irmão, eu amo muito ele, só não me matei ainda por causa dele, sou covarde, sou inutil para tudo, até para me matar, vejo pessoas felizes e sinto inveja, olho pessoas morrendo em acidentes e queria estar no lugar delas, ta muito dificil, eu pago alguem se quiser para me matar, eu nao aguento mais, pessoas me criticando.. Quero sumir, quero morrer

  • Eu sei como você se sente, eu estou passando por algo muito semelhante. Mas uma coisa um digo com certeza, suicídio não é a solução. Tente entender que você é a pessoa mais importante da sua vida só você sabe o que sente e, o que te faz se sentir deprimida. Para os outros vai parecer frescura mesmo, pq as pessoas tendem a achar que você não tem um motivo concretizar pq VC tem um família, namorado e etc…Comigo é assim, ninguém liga. Mas o motivo de você estar assim é interno, me parece que como eu sua auto estima é baixíssima, então o que você deve fazer é colocar a mão na massa e começar a mudar aos porquinhos essas situação. Procurar um bom profissional vai ajudar, e tentar ver onde você pode melhorar pra o seu bem estar, traçar metas, nem que seja coisas simples inicialmente. Espero que tenha ajudado

  • Eu sei cm é , mas meu problema foi bullying digamos assim , me machucavam fisicamente e psicologicamente , tentei me matar e quase fui internada numa clínica , mas continuei me cortando até quase morrer mesmo , e foi nesse entre a vida e a morte que eu percebi , que não vale a pena acabar cm minha vida , apesar que larguei a escola , mas descobri o que realmente queria fazer então cabeça pra cima

  • Vc acha que vai ficar bem sem terapia. Tem que procurar um bom psicologo.
    Se nao fosse por causa de Deus e da igreja, mas principalmente de Deus já tinha …
    Ou vc faz um tratamento bem feito ou vc faz besteira.
    Nao espere grande coisa da maioria, eles nao são altruístas.
    Faça vc por vc mesma. Procura ajuda de um bom psicologo.
    Trabalhar doente e complicadíssimo, faz o tratamento psicológico.

  • Até que enfim, um ateu falando a verdade. Pois eles sempre tem que dizer que são felizes e tão mandando bem em tudo…. Sei… Parabéns por ser sincera né moça. Entrega o teu caminho ao Senhor, confia Nele e Ele tudo fará. Ele diz: Vinde a Mim, todos vós que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei… Tá aí a oportunidade, experimente, procure uma Igreja evangélica, e tire vc mesma as conclusões, mas vá com um coração aberto, não cheia de dúvidas, mas apenas creia e jogue fora essa lógica dos ateus. Deixa Deus mudar sua vida, como é que vc quer criticar a Deus se vc nunca experimentou, experimente primeiro e só depois tire suas conclusões se Ele não mudar sua história…Mas garanto que Ele muda sim.
    O diabo te roubou um celular? Tá vendo como ele se incomodou né! E daí, vá a luta novamente, Deus tem muito mais pra te dar do que isso, infinitamente mais, isso aí é café pequeno demais. Uma pessoa com Fé, vence qlq obstáculo, e esse cretino que te roubou dá até pena, pois vai passar uma boa parte da vida dele atrás das grades ou morrer logo.

  • Aposto que é uma mimadinha que mora na casa do papai e da mamãe e tem tudo na vida. VOCÊ NÃO SABE O QUE É REALMENTE TER PROBLEMAS. Enfrente a vida ao invés de ficar se fazendo de vítima. O mundo não gira em torno do seu umbigo. O que você pode resolver, resolva. O que não está na sua mão, planeje. Tenha uma estratégia de contenção pra minimizar os danos. A vida não é perfeita. Lide com isso e amadureça.

  • Situação complicada, mas por favor não se mate. Sua vida é seu maior bem. Sei que é clichê dizer isso, mas se matar não ajudará a melhorar em nada. Eu tenho 32 anos, não tenho nenhum amigo, sou uma pessoa extremamente tímida, insegura e com dificuldade de fazer amizades. Já pensei muito em me matar, ou sumir, mas vejo que apesar de tudo, minha vida é meu maior bem. Se quiser conversar, deixo meu email. Me chamo Danielle.