Por carência eu me apaixonei

Bom sou casada há 15 anos, tenho 32 anos e uma linda filha de 5 anos, fruto desse casamento. Mas recentemente com os problemas do dia a dia, que são muitos, acabei conhecendo pessoas na internet. Uma delas um garoto de 23 anos, de boa família, lindo lindo! Conversávamos por horas, ele me ouvia demais e as vezes fazíamos sexo pela net. Agora estamos as vias de nos encontramos pessoalmente e sabemos que dificilmente teremos futuro juntos. As diferenças entre nós são muitas. Até a de classe social, me sinto inferior a ele em muitos aspectos e as diferenças entre nós atenuam isso. Porém eu me deixei levar pela carência e me apaixonei. Quero deixar isso passar e seguir em frente com a vida que eu levava antes dele aparecer, mas não consigo me distanciar dele por que ele me procura sempre. Precisava muito desabafar e quem sabe ouvir alguém.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

3 Comentários

  • Boa tarde
    N traia seu marido. Nao destriua a si e sua familia. Posso ajudar vc. Vamos melhorar seu casamento?:
    Me escreva
    Te aguardo
    Nao faça besteiras

  • Vou ser o mais claro possível: ele só quer transar com você. Ele não tem nada a perder, você tem seu casamento, sua família, sua filha. Pense bem se vale a pena.

  • Carência, tá ai uma palavra simples mas que é muito complexa, principalmente quando envolve paixão.

    Na minha opinião você tem que fazer três perguntas a si mesma!

    1: Você ainda ama ou senti algum sentimento pelo o seu marido?
    2: Como você acha que se sentira como pessoa caso resolva de fato ter esse caso?
    3: O que a sua razão diz? nesse momento não o coração!

    A carência é uma arma, ela mexe com a razão, deixa a pessoa confusa, vulnerável, deixa aberta ao sentimento de uma nova euforia, algo novo, fantasias..

    Se você esta com o seu marido “apenas” para manter a família junta, ou por motivos de rotina, acho que o primeiro passo seria conversar com ele, dialogar, colocar na mesa o que você esta sentindo sobre o relacionamento de vocês.

    Se você esta “apenas” a procura de fazer essa “aventura” nova, você estará traindo ele, e ele merece isso? é um mal marido? te trata mal? esta acomodado? bem… seja isso ou outro fator, mesmo se ele for um bom marido, você ainda acha que ele mereça isso? você conseguira mentir para ele? ira colocar a cabeça no travesseiro e dormir em paz?

    Se você quer apenas um caso extra conjugal não irei falar nada sobre esse assunto!

    A carência pode por tudo a perde, sua família, casamento, dignidade, respeito próprio, se a união não estiver boa e não tiver nenhuma solução ou esperança para melhorar seria melhor a separação, não importa se você vai consumar o “fato” com o outro rapaz depois, mas você disse que queria a sua vida de volta, como era antes, deduzo que você goste do que tinha…

    Se você que seguir como antes, bloqueia o rapaz das redes sociais, telefone, whats, etc. O fato da paixão ter nascido da carência é que ela acaba rápido, paixão é algo de momento, e sempre termina. Paixão vem da cabeça, amor do coração.

    Seja qual for sua escolha, faça em cima da verdade, analise os fatos, não pense só no hoje, sempre tem um outro dia amanha. Pense, pense, pense!

    Só lembre-se de uma coisa: Uma escolha pode mudar tudo, para o bem ou para o mal!

    Boa sorte.