Minha namorada me sufoca

Tenho uma namorada mas nem minha família sabe, isso me parece o menor dos meus problemas. Tenho certeza que a amo, mas vejo muitos problemas em nosso relacionamento que não sei como contornar, ela é controladora, sinto que ela suga a minha liberdade, às vezes tenho a impressão de que ela quer que eu viva apenas no mundo dela, ela quer que nosso relacionamento esteja sempre em primeiro lugar, que nossa vida gire em torno do que vivemos escondido de todos, tenho vontade de construir uma vida junto dela, mas esses problemas me fazem não acreditar que isso seja possível, tenho 20 anos e sinto que ainda preciso viver muito da vida até estar completamente “preso” a alguém. Descobri que ela estava bêbada e fez provocações a uma amiga simplesmente por saber que ela é minha amiga e por birra, mesmo sem minhas amigas saberem quem ela é na minha vida, tenho a impressão de que ela faz com que minhas amigas não gostem dela por ela não querer minhas amigas perto na nossa possível vida, e mais uma vez vejo nosso futuro ruindo. Não sei como lidar com essa situação, a amo mas não quero viver assim ?

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

4 Comentários

  • Passe ela pra mim amigo!! adoro mulher..gosto muito de mulher que fica me sufocando bem coladinho comigo amo!!

  • Boa tarde! Acredito que a sua namorada se sente no direito de agir dessa maneira, e acho que só você é capaz de conversar com ela e estabelecer os limites. Você ainda não ter abrido o jogo para a sua família e falado sobre esse relacionamento deixa bem claro a sua confusão sobre se esse relacionamento vai ou não seguir adiante. Primeiramente acho que é importante você conversar com ela, está claro que a ama e provavelmente ela a ama também, mas é necessário estabelecer alguns limites. As vezes ela não tem conhecimento de estar sufocando você, ou de estar pegando muito no seu pé. Por isso acredito ser necessário conversar com ela sobre isso, e deixar claro que vocês precisam ter as suas vidas independente do outro, ainda que se amem bastante e estejam namorando. Há a necessidade de uma conversa franca, onde você precisará abrir o seu coração e dizer o que você sente, assim ouvirá o lado dela e ambos entraram em um acordo para fazer dar certo e continuar juntos sem se sentir mal. E segundo, não menos importante, ore muito para Deus abençoar o amor de vocês. Tenho certeza que se estiver nos planos dEle, esses problemas serão resolvidos em breve.

    • Já chegamos a conversar sobre isso e o assunto sempre termina em confusão, por ela achar que eu de alguma forma estou a ofendendo, ou não quero algo sério. Ao contrário, quero algo sério, mas quero ter meu espaço, quero sentir que posso respirar, que posso ir e vir sem obrigatoriamente dar satisfação de todos os meus passos, e não por querer fazer as coisas na surdina, apenas por saber que tenho meu espaço

  • Já passei por isso, cara. É foda demais e pior que não tem futuro, foram quase 3 anos de inferno diário, ela tinha ciúmes até do irmão dela (se eu chegava pra conversar com o moleque e ficava muito tempo, ela já fazia careta). Mulher então, nem se fala. Você ama, mas e ela? Amor é ficar infernizando a vida do parceiro? Pense nisso.