Minha Família Complicada

Minha relação com minha mãe nunca foi uma das melhores. Ela engravidou quando tinha 17 anos, meu pai nunca ligou para mim, ela sempre vivia em festas (isso depois de uns 6 anos após eu ter nascido), passei minha vida toda com minha avó, que de certa maneira me tratava bem (depois descobri que quando ela soube que minha mãe estava grávida dava remédios para que ela me abortasse). Minha mãe sempre jogou na minha cara que nunca arrumou um emprego por quê estava cuidando de mim, que não fez faculdade por quê estava cuidando de mim. Durante minha infância ela sempre trazia seus “namorados” para minha casa (casa dos meus avôs no caso) e eu sempre presenciava aquelas cenas nojentas dela beijando eles. Sempre fui uma criança gorda e ela nunca perdeu a oportunidade de me rebaixar, xingamentos são inúmeros: bola mundo, lua, etc; e também nunca fui de me arrumar muito, o que a faz me chamar de favelada, recentemente tá aparecendo estrias na minha panturrilha e ela diz que é horrível, mas não tenho culpa (ou tenho?). Hoje tenho 15 anos e recentemente ela casou-se com outro homem 7 anos mais novo que ela (eles se conheceram em uma semana e na outra ele já estava morando aqui). Como se já não bastasse, ela está pretendendo ter outro filho no próximo ano, só para que ele não arrume outra :). O “marido” em questão não trabalha, grita com ela e não passa muita confiança. A única coisa que pedi foi que ela esperasse que eu arrumasse um emprego e saísse de casa, como sempre ela não esta nem ai. Essa relação em que ela se encontra atualmente não será muito duradoura, pois ela não sabe conviver com ninguém (será mais uma criança odiada e criada por minha avó). EU SIMPLESMENTE NÃO SEI MAIS O QUE FAÇO!! Ela é cabeça dura, não aceita fácil opiniões. tá tudo errado aqui! :( :'( (apenas um resumo de tudo, tem muito mais coisas)

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

1 Comentário

  • Olá.

    Tente segurar essa barra até você terminar seus estudos. Nesse período vá “construindo” uma ideia, um plano na sua cabeça para a sua vida. É difícil, mas tente absorve o menos possível dessas coisas desagradáveis que acontecem ao seu redor.

    Trace uma meta, preencha o seu tempo livre com atividades fora de casa, reinvente você mesma. Você esta gordinha e isso te incomoda? Emagreça, faça uma dieta, nada de loucura, sera bom para a sua auto estima e a sua saúde. Mas faça se VOCÊ quiser fazer. Tem que ser para você mesma, e não para agradar o mundo.

    Estude, estude, leia muito, cresça espiritualmente e intelectualmente. Faça o que te deixa bem.

    É difícil? Sim! Mas só cabe a você isso. Passe pela a tempestade para chegar na calmaria.

    Você consegue!

    Boa sorte.