Confesso que sou ateu

Faz muito tempo que sou ateu, mas nunca falei nada pra ninguém, e hoje vim me confessar. Não posso falar pra minha família, pois moro numa cidade do interior onde as pessoas são muito religiosas e ignorantes. Nunca vi sentido em acreditar em algo que nunca se manifestou nem provou que existe, para mim é o mesmo que acreditar em curupira, lobisomem e etc. Nunca contei também porque muitas pessoas pensariam que eu tenho ódio no meu coração, que sou servo do “diabo” e outros absurdos. Na verdade eu sou honesto, amo o próximo e respeito a tudo. Se alguém fala sobre religião perto eu escuto até o fim e dou minha opinião, do mesmo modo se eu receber algo religioso de presente guardo com muito carinho e tudo mais. Enfim, tenho medo de ser visto como um “estranho” pela minha família.

É isso.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

6 Comentários

  • Vc pode ser o que vc quiser, Deus te entende.

  • Olá, também compartilho do mesmo pensamento seu. Hoje todos sabem que não acredito nessas coisas. A questão é que parece que sua família é muito fechada quanto a isso. Mas eu te falo… o que importa isso? Não precisa dizer nada a eles. Minha mãe fica triste quando falo dessas coisas pois ela é muito religiosa. Tenho meus 20 e poucos anos e tenho direito de acreditar ou não no que eu quiser. Mas não faço questão de anunciar que sou ateu. O problema, e aí eu te entendo, é que por exemplo na empresa onde eu trabalho todos são evangélicos e eu respeito muito isso. Mas sinto um clima estranho no qual penso que se eles descobrirem que sou ateu, vão me mandar embora, tenho certeza disso. Então fico calado. Quando eles rezam eu fico quieto e respeito. Pena que acho que não respeitariam minha posição. É triste isso. Mas sinto que nunca mais vou conseguir acreditar em nada, e deve ser o mesmo caso com você… ou seja, não tem volta.

    Por outro lado, ficar calado nos leva a sempre continuarmos calados e oprimidos. Tenho medo de perder o emprego por que não acredito no deus do povo do meu trabalho.

    Não sei o que fazer. Estou na mesma que você, amigo. Aproveitei para desabafar também.

  • Cara a quantidade de pessoas que não acreditam em Deus e cada vez maior, fora os que falam que acreditam, mas, na verdade só evitam dizer que não. Você tem o direito de acreditar no que quiser, e um problema seu, eu acredito em Deus, pois e bem melhor do que acreditar no homem, de que as coisas vão melhorar, de que a cura para as doenças vai existir, de que a corrupção tem solução, de que homem evoluiu do macaco ou de que o mundo surgiu em uma explosão, olhando assim tudo isso e mais absurdo, no meu ponto de vista, do que acreditar em Deus. Só sei que o homem age pela razão e sem algo para nos orientar vamos nos destruir, prefiro acreditar que no final da minha vida exista algo melhor do que passar o resto da vida acreditando que já estou morto.

  • Caro amigo, parabens pela sua força e pela sua honestidade intelectual : Muitas pessoas não admitem as próprias dúvidas religiosas.
    .
    Todas as religiões tem seus deuses, cada uma diferente da outra e todas estão dispostas a se matarem, umas as outras, em nome desses deuses.
    .
    A loucura é tão grande que mesmo os fiéis de uma mesma religião se matam por pequenas variações como cristãos católicos contra protestantes, muçulmanos xiitas contra sunitas…
    .
    Mas todas elas se juntam para atacar os ateus.
    .
    A razão de toda esse desentendimento é o poder e o domínio do homem sobre o homem em nome de uma figura que, nas principais religiões nem pode ser descrito.
    .
    A religião tem seu lado positivo, traz conforto para os infortúnios da vida, une as pessoas, dá um sentido de comunidade , tambem alivio para quem está desesperado.
    .
    A religião tenta trazer respostas para as questões humanas ainda insolúveis. Mas observe que no passado os “milagres” eram feitos grandiosos: Parar o sol, fazer chover fogo, etc… hoje em dia, é facil desmascarar impostores, entao, no máximo os milagres tratam de doenças que a humanidade ainda não tem o domínio, como o cancer, mas assim que a cura for descoberta, e será, até esse fenomeno não terá mais valor.
    .
    Portanto, sim, a base da religião é o desconhecimento, mas isso não significa que religiosos sejam ignorantes, apenas deformam parte da realidade para que possam suportar esse mundo.
    .
    Finalizando, amigo, muitos ateus vivem suas vidas sem exporem seu ateismo. As pessoas são preconceituosas e não aceitarão seu ponto de vista então o melhor é viver como a maioria, sendo hipócrita. Se tiver forças para sair dessa conjuntura, vá e não olhe para tras, mas se não, o jeito é aceitar.
    .
    Outra coisa, pra complementar. Tambem sou atéia , minha família tambem. Mas os religiosos costumam adjetivar ateus como materialistas em sinonimo a gananciosos. Isso não tem nada a ver. Se fosse assim seria bem, só os ateus são gananciosos.. rsrsr.. mas a ganancia e o materialismo que está ai numa sociedade majoritariamente religiosa não é resultado do ateismo, que representa menos de 1% da populacao e a propria historia do cristianismo mostra de onde vem a ganancia. Sem falar que os presidiários em sua maioria, tambem sao religiosos.. Portanto, os males do mundo não foram causados por ateus! Sinto muito, religiosos. Os males do mundo foram e sãocausados pelo ser humano, pelos defeitos que o ser humano tem.
    .
    Se quiser trocar alguma ideia, responda por aqui,
    .
    Boa sorte !

    • Muito obrigado pelas palavras. E essa uma das razões para eu ser ateu. As religiões pregram o amor ao mesmo tempo que pregram o ódio e a ganancia, brigaram até o fim pela sua ideologia sem nem ao menos parar pra refletir e questionar alguma coisa. Eu, fico só observando, já tentei dialogar com alguns mas nem ao menos me escutaram, E olhe que eu ainda tento ajudar… Ainda estou em dúvida se conto ao não, até porque é difícil me entenderem. Eles acham que pensar, refletir e questionar é sinônimo de loucura, coitados. Enfim, quero dizer que, se eu acabaei generalizando alguma coisa, perdão, foi erro meu. E mais uma vez obrigado, estou a disposição para qualquer coisa.

      • Então, Breno, hoje em dia é um pouco mais fácil que as pessoas aceitem que outras não creiam em divindades.
        .
        Olha, meu amigo, contar ou não contar depende da conjuntura sua. Por exemplo, se voce tem independencia econômica. Se tiver, beleza, voce poderá ir morar em outro lugar, cuidar da sua vida e ninguem tem o direito de criticar.
        .
        Caso não tenha independência financeira ou mesmo que tendo, more com seus pais e seja de alguma forma dependente, o melhor é ficar na sua. Não vale a pena criar conflitos religiosos dentro de casa.
        .
        Conheci certa vez um rapaz em situação semelhante a sua. Dei o mesmo conselho. O problema dele é que era de certa forma obrigado a ir aos cultos e outras atividades religiosas, isso era demais e quase não suportava.
        Meu conselho foi que encontrasse uma forma de ocupar o horário com alguma atividade então, por alguns anos, ele trabalhou como garçon , mesmo sem precisar, justamente para ocupar as noites e os finais de semana….. Com o tempo ele saiu de casa e ficou tudo bem.