INCESTO: Transei com minha irmã e a amiga dela

Bem irei ser claro, rápido e direto ao ponto como sempre sou, porém a história é um pouco longa, peço que leiam pois estou passando por momentos difíceis.

Antes de mais nada, gostaria de salientar que todos os fatos descritos neste texto são Reais. Meu nome é C… Tenho 21 anos de idade, natural do RJ, minha irmã J… tem 19 e a amiga dela M… tem 19 também.

A amiga da minha irmã não é só amiga dela, parecem ser mas sim “irmãs de sangue” para dizer a verdade, pois andam sempre juntas e tudo mais. Por se próximo de minha irmã cabei que conhecendo a sua amiga e me tornando bem próximo dela, porém ela é muita idiossincrática (pessoas intimas que são difíceis de explicar) para dizer a verdade “Maluca”, pois nunca diz o que quer de verdade. O que ocorre é que “infelizmente” virei também melhor amigo dela, e então eu, minha irmã e a sua amiga passamos a fazer tudo juntos, como sair, ir ao shopping e tudo mais. Eu praticamente me apaixonei pela amiga dela, fiquei perdido louco mesmo, de escrever poemas e até um livro.

Eu não me apaixonei por culpa minha, foi na verdade culpa dela, que ficava sempre em cima de mim, dizendo que eu era bonito, charmoso, elegante e tudo mais, e que sentia-se atraída por mim.

Em uma dessas conversas intimas de irmãos, minha irmã disse que ela estava apaixonada por mim, mas não queria namorar, pois era do tipo de menina que queria ser livre, não se prender a ninguém.

Fiquei meio sem entender, mas enfim, isso nunca abalou nossa relação, porque de fato éramos apaixonados, nossos olhares se confundiam e tudo, mas ela não quis nada. Porém nos falávamos todos os dias, sempre mantendo as novidades.

Até que um dia, prestei um concurso de redação interno feito na Universidade e minha redação ficou entre as 20 melhores do Brasil, fui para etapa nacional que ocorreu no RJ, e nesta etapa tinha que ficar hospedado em um hotel com os outros 20 participantes, confinamento total, durante 3 dias, não podia sair, se saísse era desclassificado.

Bem, eu não ganhei a competição, mas cerca de 1h30 antes da premiação, algo ocorreu que mudou minha vida. A premiação ocorrera por parte da noite, às 22h, e então depois disso quem quisesse poderia ir embora, ou ficar até ás 12h do outro dia.

Antes da premiação ás 18h enviei uma mensagem para a M, lhe convidando para passar a noite comigo no hotel, e que poderíamos assistir algum filme, ou fazer algo de bom rsrsrs, ela ficou medo, achou super estranho, mas achou interessante a ideia e disse que iria.

E ela foi, chegou no hotel ás 23h a premiação já havia terminado, e praticamente todos haviam ido embora, porém para minha surpresa ela trouxe minha irmã, fiquei na hora triste, pois pensei que nada iria ocorrer.

Subimos rapidamente para o meu quarto no 3° andar, coisa de louco, missão impossível para que o recepcionista não nos visse… chegando lá elas logo se acomodaram, havia duas camas de solteiro. Elas então logo me indagaram o que iríamos fazer, eu disse: – “vamos subir para o terraço, lá tem uma piscina, podemos tomar banho, também tem um bar e podemos beber”.

Elas adoraram a ideia, então fomos, chegando lá ficamos conversando, e pedimos 2 baldes de cerveja, e caímos na piscina lá pelas 1h00 da manhã. As duas entraram de calcinha e sutiã, estavam lindas, foi a primeira vez que sentir atração pela minha irmã e por outra mulher durante os últimos 14 meses, pois só pensava em sua amiga.

Ficamos na piscina conversando, e quando o papo esfriou, eu beijei a minha amiga, foi um beijo longo, foi lindo, as estrelas nos rodeavam, o céu parecia uma pintura, a lua dava o toque final com perfeição.

Minha irmã sorriu e gritou: – “Até que fim!’. Então rimos e continuamos a nos beijar, e de repente, no que estava tudo lindo, ficou péssimo para mim, mas bom para muitos.

Após me beijar longamente umas três vezes, ela se virou e beijou minha irmã, e as duas olharam para minha a cara de estúpido sem entender nada e começaram a rir, e disseram: – “que bobinho”.

A minha amiga então me puxou e nos beijamos, eu ela e minha irmã, os três. Eu não queria aquilo, eu era loucamente apaixonado pela M e nunca sentira nada sexual pela minha irmã, e nem queria sentir, quanto mais beija-la, isso é errado, mas mesmo que não fosse pecado, eu era loucamente apaixonado por sua amiga.

Então ficamos ali nos acariciando, não havia mas ninguém no terraço, e eu já havia me entregado a perdição…

Transamos os três naquela piscina loucamente, em todos os cantos, lados, e em todas as posições. Até que um dos recepcionistas apareceu p/ fumar um cigarro, disse que era para todos se retirassem da piscina e que o terraço seria fechado, não nós demos conta, mas já eram 4hr da manhã e tudo estava escuro.

Quase morremos assustados com o recepcionista, as meninas ficaram envergonhadas, nos vestimos e fomos direto para o quarto, chegando lá, começamos a transar novamente…

Findou que paramos lá para ás 6h da manhã! Mas quando acordei estava praticamente perdido, louco transtornado, o que foi aquilo? – me perguntava. Elas então acordaram e perceberam a loucura, ficaram também aflitas, mas enfim todos os três consentiram nos atos que fizeram.

Começamos a nos arrumar, a minha amiga tinha aula, e eu e minha irmã voltaríamos para casa.

Enfim, após tudo isso, eu achei que iria namorar com minha amiga, mas ela me esqueceu de vez, nunca mais falou comigo direito como falávamos antes, apenas com palavras curtas e querendo logo terminar a conversa, nem se quer tentava contato comigo, fiquei muito triste, depressivo, cheguei até a começar a fumar cigarro.

E depois quando percebi que minha irmã estava meio estranha comigo, praticamente quase me matei, foi tudo tão intenso aquela noite, e depois tudo tão trágico – “Por que?” – Perguntava-me.

Agora me encontro transtornado, não falei nada aos meus pais, enfim, o lado incesto é muito pesado, já me confessei para o padre, mas por muito eu nem liguei para ele, pois estava pensando na garota, a amiga de minha irmã que havia me iludido, amei ela de mais, amor absurdo, que me fez perder os sentidos.

Agora imagine, se alguém pode morrer por amor, imagina quando esse alguém percebe que também transou com a irmã? É assim que me sinto devassado, destronado por dentro.

 

 

Reportar Sexo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

12 Comentários

  • tenta conversar com sua irma e tenta esquecer isso !

  • Olha agora já aconteceu , o problema é que nem todo mundo consegue lidar com uma situação dessas , o melhor que você faz é esquecer pois você não foi o único culpado , nem toca mais no assunto com sua irmã o tempo cura tudo !!

  • Sua historia e sinistra demais , pois isso que você fez e errado,mas você não falou sobre a opinião da sua irmã sobre essa situação, ha meu ver ela e tão culpada quanto você,pois se ela não quisesse , isso jamais teria acontecido. QUE SITUAÇÃO.

  • A cara antes de tudo tenta conversar com sua irmã e fica pelo menos com a sua consciência em paz. Depois vc pensa na amiga dela.
    Acho isso

  • olha amigo,se vc comeu sua irmã,não duvido de que vc tenha coragem de comer sua mãe.
    se entrega a Deus cara,isso é coisa do capeta.

  • Sua irmã usou a amiga dela pra saciar a tara que não só você tinha por ela mas ela por você! Acredite, isso é bem comum amigo. Em um grupo onde trocamos experiências incestuosas, muitos iniciaram assim, a outra parte tomando iniciativa!

  • Horrível isso deveria se controlar. Ao meu ver os 3 são culpados e principalmente tu e tua irmã. Horrível.

  • Amigo,
    .
    é uma história complicada, não pelo incesto que é algo até comum, mas a forma como que cada um encarou a situação no após. Alias muito estranha afinal na hora estava bom para todos, não é ?
    .
    Algo que voce não contou é se a sua amiga e sua irmã continuam amigas ou se tambem se afastaram.
    .
    Bom, o passado já passou, não adianta lutar contra isso e tem que lidar com os fatos. Eu aconselho que converse com sua irmã, explique que foi tudo uma empolgação de momento, procure se desculpar, veja o que ela sente sobre isso. Diga o quanto está triste com a frieza com que as duas estão tratando você e que não é justo, afinal todos estavam livres para escolher o que fazer.
    .
    Dito isso, se a amiga não quer mais conversar com voce , paciência. O melhor é tentar reverter o estrago com sua irmã e procurar novos namoros e amizades.

  • Aleksandro Miritituba-Pará

    Caramba! Cara você comeu a sua própria irmã, depois dessa com certeza deve estar pensando em suicídio. Se que vai ser difícil olhar nos olhos de sua irmã, tente superar isso e peça desculpas pra ela. (Mas eu acho que as coisas nunca mais serão as mesmas).