Acho que minha mãe me odeia

Minha mãe deve me odiar… Ela vive descontando em mim, tenho dois irmãos mas ela só fica me marcando… Falou na minha cara era melhor eu não ter nascido e me xingou de várias coisas. Meu pai é uma ótima pessoa comigo mas fica indiferente a tudo, ela trata os outros bem, mas comigo só tem cara feia. Vive inventando mentiras de mim para os outros, se eu falo alguma coisa ela já inventa outra e conta para todo mundo, como se quisesse colocá-los contra mim. Na minha frente ela fala de tudo comigo mas quando alguém chega se faz de coitadinha. Sinceramente, não estou aguentando mais. É todo dia o mesmo sofrimento, sou tímido e não tenho muitos amigos, mesmo que eu saia de casa por um tempo, uma hora, tenho que voltar… Meu pai ama ela e não me leva pra canto algum, já pensei em fugir mas não tenho para onde ir, até me suicídio já andei pensando. Só tenho 14 anos e não quero suportar isso por mais alguns anos, é demais para mim…

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

5 Comentários

  • Te digo uma coisa: estude bastante, seja bom aluno, aprenda inglês, comece a trabalhar com 16 anos. Quando você completar 18, bye bye família.

  • Amigão, todo dia alguem posta alguma coisa dizendo que pensa em suicidio. Se quer valorizar seu depoimento , não precisa disso. Ninguem se importa. Não perca seu tempo.
    .
    Veja só, todo pai e mãe ama seus filhos. Mas muitas vezes eles não sabem expressar esse amor. Não existe manual de instruções para ser pais, ou talvez até exista, mas poucos leem manual. rsrs… Em outras palavras, eles não sabem se comportar com voce e não buscaram aprender.
    .
    Quer resolver o problema ? Escreva uma carta pra eles. Escreva tudo o que sente sobre como sua mãe te trata, as coisas que ela diz e sobre seu pai não ter companheirismo contigo, de nunca participar da sua vida.
    .
    Escreva tudo isso. As palavras escritas tem uma força que as palavras faladas não tem.
    .
    Mas cuidado, não escreva sobre bobagens como suicidio, querer ir embora, etc. de modo que sua carta tem que direcionar e deixar o problema com eles, mudanças neles ! Se escrever muito sobre coisas que estão alem deles, vão te mandar para um psicologo ( não que seja ruim) mas não mudarão. Entendeu ?
    .
    Detalho mais ?
    .
    Ao inves de escrever para o seu pai: “sinto vontade de não ter nascido por voce não dar atenção pra mim” escreva : “Sinto inveja dos meus amigos porque os pais deles levam eles para jogar bola, andar de bicicleta, boliche etc. e voce não !” Entendeu ? A primeira coisa fala de algo irreal… e a segunda é mais objetiva.
    .
    Seja objetivo.
    .
    Bjs

  • N fique assim, se mantenha forte, eu acredito que vc consegue, talvez ela n saiba demonstrar.. tente conversar com ela, se n de certo.. aguente mais um pouco! eu acredito em vc