Difícil seguir em frente após o término do relacionamento

Eu pensei que dessa vez seria tudo perfeito, mesmo sabendo que nada é perfeito. Entrei em um relacionamento sentindo que a pessoa não somente me completava, mas que sim… Me transbordava. Eu o amo, estamos em crise, uma crise sem fim. Ambos erram o tempo todo, eu com minha ansiedade incurável e ele, com seu estresse e grosseria. Estou perdida no que fazer, me sinto sem rumo por não tê-lo como antes tinha, não tenho amigos e quando digo que não tenho, é pq não tenho mesmo. Já tentei, aliás, tentamos de todas as formas melhorar nosso relacionamento, mas parece que as coisas só pioram e eu não consigo achar uma distração para deixar tudo pra trás e conseguir viver minha vida. Eu achei que eu tivesse aprendido com os outros relacionamentos, mas parece que não. E de nada adianta tentar seguir em frente, parece que a cada dia que passa eu venho perdendo minhas forças e pior, o perdendo mais do que já perdi. Eu me odeio por isso, é uma fase que parece não passar nunca, terminamos vários vezes durante o namoro… Isso se tornou um ciclo sem fim, e apesar de tudo, eu sei que ele me ama, mas não sei se ele me ama a ponto de querer tentar, como às vezes, ele mesmo o diz. SOCORRO, preciso abrir minha mente, achar uma saída, não tenho ninguém por perto que possa me ajudar, nem condições financeiras o suficiente para poder sair e me distrair, não consigo fazer nada.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

1 Comentário

  • Eu já vivi esta situação. Eram tantas brigas e tantas voltas, brigas por coisinhas , tudo era motivo de discórdia. Se com ela era ruim, pior sem ela e assim a gente ia vivendo. Quando terminamos de fato, foram dois longos anos de um vazio e uma tristeza sem fim. Eu já havia perdido o jeito de sair, ir a um barzinho sozinho. Nesta época eu tinha uma amiga que me ouvia muito e nunca me aconselhou a terminar, mas eu achava que ela gostava de mim. Quando de fato havíamos terminado, essa amiga se afastou de mim também e eu fiquei realmente sozinho e não tinha mais ninguém. A única coisa que me aliviava era pegar estrada e viajar a uma cidade próxima e voltava. Fiquei um ano sem ninguém e finalmente conheci uma moça com quem me relacionava na mais pura amizade. Essa moça que se afastou de mim, quando percebeu que sempre eu estava junto com esta amiga, começou a dar mais atenção e passou a me solicitar para sair, etc, mas a tratei da mesma forma como ela me tratou. Depois de um bom tempo (12 anos) eu encontrei com a minha ex-manorada em um posto de gasolina, separada de um segundo casamento e me contou toda sua vida de puro sofrimento e me disse que tinha jogado a vida no lixo e que se pudesse ela voltaria no tempo e não terminaria comigo. A essa altura ela já sabia que eu estava casado e ela só queria uma oportunidade para falar comigo e saber como a minha vida estava. Hoje mantenho contato com ela, mas só isso.