Incesto: Não podemos… Somos irmãos!

Olá, o que irei relatar aqui aconteceu faz alguns meses… Para ser exato dez meses. Vou tentar relatar da maneira mais exata possível, então por isso talvez fique um pouco grande, peço desculpas mas preciso falar (mesmo que não obtenha respostas) sobre esse acontecido!

Era final de ano e eu estava na sala mexendo no celular quando minha irmã saiu de seu quarto me dizendo que nós iríamos passar o final de ano na casa de meu irmão mais velho. Eu na época tinha 17 anos e minha irmã também 17, nossa diferença era apenas de 9 meses, já meu irmão mais velho tinha 32 anos, também tinham outros… Uma irmã de 31 e um outro irmão de 29, eu e Larissa (não vou usar o nome real) éramos os mais novos. Morávamos na época em Maringá PR e meu irmão em São José do Rio Preto SP.

Depois de minha irmã me avisar, eu não dei muita bola e continuei mexendo no celular, ela também não ligou… Nossa personalidade é muito parecida uma com a outra, somos ambos quietos no nosso canto de “poucos amigos” preferindo muito mais um livro do que sair para algum lugar, nosso jeito de “solitário” ou “desinteressado” nas coisas nós diferenciam muito dos meus outros 3 irmãos. Larissa era alta com 1,70 morena clara de cabelos(até a cintura) lisos e negros, 53kgkg bem “adulta” para seus 17 anos podendo facilmente ser confundida com uma adulta. Já eu tinha 1,74 moreno bem claro, olhos negros cabelos liso também negros, 62kg e um corpo de adolescente desinteressado na vida rsrs, não frequentava academia mesmo meus irmãos infernizando para eu ir. Era um dia de sábado, meus pais estavam arrumando o carro pra viagem. Fiquei ainda no sofá mexendo no celular quando, novamente, Larissa veio me dizendo para arrumar minhas coisas e tomar um banho pois iríamos viajar em 1h30, por fim depois de ela me avisar novamente foi o que eu fiz, primeiro fui arrumar a roupa que eu iria usar e fazer as malas, quando terminei estava indo para o banho quando Larissa me chamou, fui até o quarto dela e ela me pediu para ir até a área e pegar uma blusa sua que estava no varal, fui até lá peguei e levei para ela, depois fui para o banho e quando terminei fui me trocar e escovar o cabelo(sim kkkk eu faço escova), quando enfim estava pronto passei ao lado do quarto da minha irmã que estava encostado apenas, ela estava só de calcinha e sutiã, mas não foi nada que já não havia visto antes. Como irmão fui sempre gentil com ela, sempre respeitando, e o absurdo, nós raramente brigávamos… raro mesmo sempre nos damos super bem eu a respeitando e ela a mim. Depois de passar pelo quarto dela fui até o meu quarto peguei meu celular e os fones de ouvido e fui ouvir música. Não demorou muito até meus pais chegarem para nos pegar já que eles já estavam prontos, foi uma viajem super longa e cansativa e principalmente silenciosa o único barulho era da estrada, minha mãe foi dormindo a viajem inteira e minha irmã e eu ficamos só no fone de ouvido. Ao chegar em Rio Preto fomos para a casa do meu irmão onde já estavam nos esperando minha irmã mais velha e meu outro irmão, fora meus tios primas e sobrinhos. A família toda(praticamente) estava reunida, já estavam começando a fazer o churrasco por isso todos estavam lá fora, a casa era grande com piscina área pra churrasco fora o quintal e a garagem enorme, eu cheguei e já fui entrando para a casa dele, fui pro quarto de hóspede onde também estava a Larissa deitada com dor de cabeça graça as várias horas no carro com um fone de ouvido, no quarto tinha só uma cama de solteiro e um colchão também de solteiro, peguei meu notebook na mochila coloquei em cima da estante que também tinha no quarto, foi quando Larissa disse “vamos ver alguma coisa, um filme sei lá, pede lá pro Davi(meu irmão mais velho, não vou usar o nome real também, por motivos…) a senha do wifi e pra ele trazer a televisão da sala para cá assim nós ligamos o not na tv”, eu concordei e fui lá ele me deu a senha e disse que eu podia pegar a TV que não era muito pesada, peguei ela e fui caminhando até o quarto de hospede meio desajeitado mesmo a TV sendo leve não era lá essas coisas kkkk, gritei então para Larissa “arruma as coisas ai que tou levando a TV” foi o que ela fez, coloquei a TV na estante liguei na tomada, Larissa já tinha ligado o note então conectei na TV e fomos assistir um filme. O filme foi Lucy, um filme bem foda de ficção científica, o filme durou mais de 1h e 20min quando acabamos ele, fomos ver outro ainda, já não me lembro o nome só sei que quando acabamos já era mais de 4h, todos da casa já estavam dormindo kk depois de beberem desde manhã, finalmente foram  dormir, eu disse: então para Larissa “vamos ver se eles não deixaram alguma coisa pra nós comermos, tô com mó fome” ela então me respondeu dando uma pequena risada “você acha que sobrou alguma coisa?! Tá enganado”, fomos então até lá e só tinha Coca-Cola e várias garrafas e latinhas de cerveja, peguei então a coca e ela também. Fomos depois até a área da piscina onde também ficava a churrasqueira. Eu tive a ótima ideia de falar para ela para entrarmos na piscina que estava quente graças ao aquecedor e ela aceitou.

“Eu vou assim mesmo, não vou até o quarto pegar roupa de banho” Larissa comentou.

Eu fiquei meio surpreso pq ela só estava de calcinha e sutiã, então também disse “Vou assim também”.

Ela então respondeu “Por mim tudo bem”.

Eu tirei primeiro a minha calça e depois minha blusa, estava de cueca box para minha sorte, Larissa ficou me olhando talvez um pouco envergonhada e então por fim tirou a roupa também ficando apenas seminua. Como já disse respeito muito ela por isso não demonstrei ficar excitado.

Eu dei um empurrão nela para entrar logo na piscina e lembro que ela me xingou de “Idiota” kk

Ficamos lá conversando até que chegarmos no assunto de namoro, eu estava solteiro fazia um tempo já e ela tinha terminado um namoro de seis meses fazia algumas semanas…

Foi ai que ela me perguntou “Vc é gay? Porque quase nunca te vejo com mulheres…”

Eu ri muito na hora, ri tanto que ela até ficou brava, depois de rir muito…KKKKK respondi “Claro que não!”.

Ficamos conversando mais ainda falando de assuntos do passado de como éramos pirralhos anos atrás, falando sobre a vida e rindo muito… Passamos pelo menos uns quarenta minutos conversando. Depois de conversarmos muito começamos a “brincar” na água, naquela hora eu afoguei ela já que ela também tinha feito o mesmo comigo mas foi então que seu sutiã escapou e seus peitos ficaram amostra, confesso que fiquei excitado, percebi que ela ficou muito sem graça e colocou as mãos para tampar, foi ai que eu disse:

“Desculpa, foi sem querer…”

Ela mesmo sem jeito me respondeu “Pega pra mim e vamos esquecer isso okay?”.

Eu concordei meio sem graça e mergulhei para pegar o sutiã, ao pegar eu dei para ela. Ela colocou e depois disso ficamos sem graça os dois, não demorou para sairmos da piscina e irmos pro quarto. Ela foi direto pro banheiro se trocar e eu só coloquei um short mesmo e arrumei o colchão que eu iria dormir, ela saiu do banheiro trancou a porta apagou a luz e foi para a cama, não nós falamos muito por estarmos sem graça… Passou uns dez minutos , não estava dormindo e acho que ela também não, decidi confirmar “Ei tá ai? ” perguntei… ela respondeu “oi…”.

Eu comentei “Me desculpa por lá na piscina ”

“Tá de boa” ela respondeu…

Começamos a conversar de novo como lá na piscina, ela colocou então o colchão dela ao lado do meu e ficamos conversando um com o outro, foi ai que ela chegou no assunto da piscina.

“Vc viu né”. Larissa me perguntou.

Eu só balancei com a cabeça concordando meio sem jeito, ela então se virou e ficamos cara a cara um do lado do outro…  Fomos nos aproximando pouco a pouco e aconteceu… Nos beijamos, foi um dos melhores beijos da minha vida!

Ela me disse “Desculpa por isso…”

Eu respondi ” Não podemos… Somos irmãos…”

Mesmo eu falando aquilo estava muito excitado, não conseguia pensar em nada além de como seria ficar com minha irmã naquele quarto. Eu me aproximei e dei outro beijo nela, a partir daí nenhum de nós conseguíamos nos controlar. A tensão sexual foi só aumentando, ela subiu em cima de mim e continuamos a nos beijar… Ela tirou a camisola que estava vestindo e em seguida eu tirei o seu sutiã e sua calcinha, ela estava muito excitada também, perdemos o controle da situação, naquela noite transamos muito… E sem preservativo… Depois de termos acabado nos deitamos e ficamos olhando um para o outro… Ela me disse “Não se preocupe, não vou engravidar…” eu não respondi apenas fiquei contemplando a sua beleza passando a mão em seus cabelos, e por fim disse “Isso foi errado”, ela me olhou e respondeu “Calado… Por favor”, percebi que ela iria começar chorar então passei a mão em seu rosto e a beijei na boca.

Depois fomos dormir, no outro dia fingimos que nada aconteceu, quando voltamos para Maringá, transamos novamente, e quando menos percebemos estávamos apaixonados, nossos pais não desconfiaram pq éramos espertos… Ficamos juntos por 3 meses e ela então começou a namorar, disse para mim que nós tínhamos que seguir com a vida, eu não aceitei a ideia e acabamos brigando sério, ela começou a namorar e raramente nos falávamos… nossos pais notaram que estávamos brigados e mal se falávamos, coisa que antes não acontecia, perguntaram o que era e obviamente não dissemos para ele.

Larissa teve a ótima ideia de contar para uma prima nossa que também era sua melhor amiga, não demorou para chegar nos ouvidos de meus pais, a relação da família ficou péssima, o namorado dela terminou com ela, minha família toda se virou contra nós, minha mãe brigou feio… feio mesmo com a Larissa, que acabou saindo de casa, meus irmãos só faltou me matar…

Hoje seis meses depois de termos terminado nosso “relacionamento” tudo mudou, minha mãe ficou muito doente com o caso, meu pai ficou muito chateado e meus irmãos também… Mesmo com tudo isso ainda falo com eles, o mesmo serve para Larissa, mas não nos vemos mais… quando há festas ou algo do tipo nem nos olhamos, ela está sempre chorando mesmo assim entrou na faculdade mas nunca mais foi a mesma, não consegue manter um relacionamento, o mesmo serve para mim.

Enfim… tentei resumir no máximo tudo o que aconteceu.  Estou péssimo com tudo isso, não sei se ainda estou apaixonado por ela mas sinto muita vontade de falar e ver ela sorrindo novamente, de conversarmos sobre nossa infância e darmos risada junto, das brigas de irmãos e principalmente da convivência familiar que tínhamos antes.

 

Reportar Sexo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

20 Comentários

  • Man vc já pensou em lançar uma visual novel com essa historia , ia dar muito lucro no Japão

  • nossa mano.. vem fala que esse site é cristão, e que tem sites para postar esse tipo de coisa… vsf… que idiotice, é uma confissão como qualquer outra, e aliás mto bem escrita, e com um final tragicoo rs sinto mto pelo ocorrido, espero que com o tempo tudo fique melhor do que esta …

  • Vivemos ainda numa sociedade cheia de valores, muitas vezes hipócritas. O incesto ainda é um dos maiores tabus da sociedade.

    Eu sinto muito todos os problemas que isso te trouxe, não era pra ser assim, se pelo menos sua prima tivesse ficado calada o problema seria apenas seu e de sua irmã e vocês resolveriam da maneira de vocês.

    Fazer sua família entender e aceitar vai ser muito complicado, missão quase impossível, porque parte dos valores de cada um.

    Mas no meu ver você precisa seguir em frente, talvez conversar com as pessoas que você deve conversar, mas principalmente com sua irmã, ela já saiu de casa mesmo, não vejo porque vocês dois se isolarem, fizeram o que fizeram em são consciência, são jovens, mas já são adultos também. Acredito que ela se afaste de você, e vice versa, para que poderem mostra pra família que o que fizeram foi errado, mas não foi. Foi apenas na visão e valores deles.

    Acredito que essa dor só vai diminuir quando ao menos conseguirem aceitar um ao outro, a única amizade que pode aplacar sua dor é a dela.

  • Mais um pervertido que escolhe um site cristão para postar suas fantasias. Existem páginas apropriadas para isso, afinal aqui é o lugar para confissões, não para contos eróticos. Putz…

    • E quem te disse que isso aqui é um site “cristão”?

      é um site onde as pessoas confessam suas fantasias, noias, atos… não tem um padre aqui pra ouvir confissões! kkkkkkkkkkkk

      • Página inicial do site, lado esquerdo do título da página (CONFESSAR), existe um pequeno desenho que representa uma Bíblia (livrinho laranja com uma cruz ao centro). A finalidade desta página é que as pessoas com problemas busquem aconselhamento. para postar fantasias e “nóias”, existem páginas apropriadas para isso, mas é algo que acredito que sua inteligência limitada seja incapaz de perceber.

  • Não sei pq o incesto é algo tão assustador pra tanta gente,um pai cria a filha da carinho comida, roupa, a filha cresce fica rabuda e gostosa,pq o pai que tanto fez por ela não pode ter como mulher na cama,a mesma coisa o filho com a mãe,é melhor transar com a mãe, que é a unica mulher que se preocupa realmente com o filho e o ama verdadeiramente,pq os dois não pode se deitar…..Fica td em familia em segredo,sou a favor do incesto.Transar com pessoas que amam ajente devi ser td de bom.no caso a familia…melhor do que transar com uma pessoa que não ama ajente e nos faz sofrer,viva o incesto.

  • Irmão, essas consequências que aconteceram na sua família foi por uma falha… Todos nós somos seres humanos que falhamos diariamente, com certeza eu aconselho você a entrar para a igreja, procurar a DEUS, orar todas as noites pedindo união da sua família novamente, porque esse tema é indiscutivelmente o pior para ser discutido, não existe um pai ou uma mãe decente que aceite essas coisas. De resto um abraço e tome juízo.

  • Oi. Eu também tive um caso com meu irmão mais velho, no caso fui eu quem pediu para ele me ensinar tudo o que sabia e ele aceitou. Por seis meses, aprendi muito com ele, mas ele cometeu o erro de se apaixonar por mim, quando não aceitei, ele ficou bravo e brigamos, dai em diante não nós falamos mais. Oito anos atrás. A família toda soube, mas não houve tantas pessoas contra, já que éramos adultos ( eu 19 anos e ele 39)…

  • Eu morava em um apartamento e os vizinhos de cima eram dois irmãos, acredito que tinham quase a mesma idade e constantemente ouvia os dois transando… apesar de ela ser bem gostosa não entendendo como um irmão pode sentir tesão pela irmã; sei lá, não consigo imaginar isso. Mas cara,, esquece isso

  • Daniel, você viu o que aconteceu com a sua família, sua mãe ficou doente, você ficou mal, sua irmã acabou saindo de casa. Acontece que nada pode haver entre irmãos , vocês violaram um tabu, um costume valido em termos biológicos . Está provado que cruza entre a animais da mesma família (endogamia) os descentes terão problemas de imunidades, dentre outros males. Não dá pra consertar o ocorrido, mas serve de parâmetro para quem aceita esse relacionamento de forma normal. Esta longe de ser normal. A população mundial esta hoje em torno de 6 bilhões de indivíduos , por que se engraçar com pessoas de nosso sangue.

  • Sinto uma forte atração também por meu irmão, porém no meu caso é mais complicado, ele se quer mostra qualquer tipo de desejo por mim, por mais que eu ande só de shortinhos na frente dele, nem olhares eu percebo, infelizmente essa é minha realidade, um amor proibido e platônico!

    • Um dia tomando banho, com vc e ele sozinhos em casa, deite no chão nua e chame ele pra te ajudar pois vc escorregou e deu mal jeito. Ele vai te ajudar a levantar nua e vai se excitar com vc

  • Você é uma aberração… Quem pratica incesto é doente… Tomara que você a engravide e a criança nasça com alguma doença grave seu nojento…. Sexo com irmãos não se faz, vai arranjar outra mulher seu psicotico… Daqui a pouco vai querer transar com sua mãe também? Doente…