Confissões marcadas com a Tag: bebedeira

Medo reincidente

No penúltimo sábado de maio, faltei ao trabalho, depois de passar a noite de sexta e a madrugada de sábado bebendo feito um alcoólatra. Liguei para minha colega por volta das oito e avisei que não tinha condições para trabalhar naquele dia. Fui até o mercado, comprei um fardo de latão de cervejas, uma garrafa de vodka e voltei pra casa pra continuar a beber – e o fiz o dia inteiro, pensando na bobagem que fiz, arriscando meu emprego…