Se a esperança acaba

Confesso que não sou forte como achei que fosse. Percebo que não só sinto-me fraco frente as circunstâncias, como estou aquém do homem forte e poderoso que todos achavam (acham) que eu era (sou). Será que algum dia deixei de ser criança? Me pergunto se algum dia eu me permiti sustentar minha estrutura psicológica em algo senão ilusões.

A verdade nua e crua é que eu tenho medo, muito medo. Tenho medo das pessoas, tenho medo da vida, tenho muito, muito medo. Curioso como não temo a morte.

Me aproximo muito dos 40 anos de idade e tenho a impressão de que não sei que caminho seguir. Confesso que estou perdido e assustado, e o pior: sinto-me total e absolutamente só.

Confesso que de santo nada tenho, contudo tenho a convicção de que não intentei nenhum mal a quem quer que fosse, e , mesmo assim, há tantos desafetos. Sinto-me perseguido e prejudicado de várias maneiras. E o que sou? O que fiz? Sou só um sonhador, agora desprovido de qualquer sonho. Fiz o que sempre achei moral, ético e adequado. O maior erro que cometi foi ser insignificante. Meus erros são tolos e banais. Mas nem banalidades passam impunemente.

Confesso que desejo morrer, e se há vida após a morte, oxalá seja melhor que esta. Confesso que desejo que haja vida após a morte, porém nem nisso acredito mais.

Confesso que estou desprovido de fé, e percebo que é terrível não ter fé. É como não ter futuro, possibilidades. Assim me sinto: sem possibilidades.

Finalmente, confesso que temo o desfecho provocado. Temo encerrar tudo como uma luz que se apaga. Sou medo, só medo. E por isso mesmo não estou condenado ao suicídio; estou condenado a suportar a vida.

 

Reportar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anti-Spam *

3 Comentários

  • Ow pessoal!!!!!! Ele é só um poeta como muitos que tenho lido em busca de um pouco de água para matar minha sede no deserto que me encontro. Aí do lado (categorias) tem dezenas de outros textos. Os bogs, sites … deveriam no inicio esclarecer que akele texto é somente uma poesia. Uma fantasia do poeta sobre determinado assunto. Assim as pessoas não se identificariam e não sofreriam. Que pena q seu texto é tudo que sinto. Porque nos sentimos melhor quando encontramos alguem que entende perfeitamente o que sentimos. E sendo otimista, quem sabe até dê um testemunho de que tudo mudou e Deus agiu em seu favor. Isso faria-nos sentir esperança e fé.

  • Eu ia postar as mesmas coisas que Karla disse ai em cima. Coragem homem.

  • Ola, você precisa de ajuda de um profissional, tentei buscar ajuda de alguém ou com psicologo, eu tenho depressão cronica desde meus 15 anos hoje tenho 31, continuo com a mesma doença mas como sou catolica e acredito que não devemos retirar nossas vidas por mais dificil que elas possam parecer, a um tempo decidi que iria procurar ajuda, para viver ou ter uma qualidade de vida melhor sempre tomei remedios ante depressivos, e o pior que com o tempo eles não funcionam mais e ai e hora de voce ia a luta, Deus tem me ajudado muito a fé melhoras as pessoas, fazem elas melhor e nos enche de esperar de coisas melhores, nos ajudar suportar dores e frustações, pense nisso voce e pessoa que mais pode ajudar, nao espere pela juda dos outros.