Não consigo esquecer

Então gente, já faz 5 anos que isso aconteceu. Sou lésbica e sei disso desde que me entendo por gente, o pior é que sou de família evangélica também e ninguém do meu convívio sabe que sou, exceto minha família e um colega meu (que guarda esse segredo até hoje). Pois bem, isso aconteceu quando eu tinha 16 anos. Conheci uma garota no inglês que tinha a mesma idade que eu e, de cara, senti atração por ela, só que por ser evangélica não aceitava isso (era muito homofóbica, muito mesmo!). Enfim, nos tornamos amigas em pouco tempo, houve afinidade e lá estava eu morrendo de amores por ela. Só que teve um dia no inglês que ela me comentou que tinha que fazer “não sei o quê” (não lembro agora) no quarto dela só que ficou impossibilitada por estar apenas de toalha já que tinha acabado de tomar banho. Gente, me veio um tesão tão alucinado de imaginar ela assim que não consegui disfarçar, dei aquela olhada tesuda mesmo. E ela percebeu. Só que ao invés de se afastar de mim, ela se aproximou mais ainda (detalhe: ela namorava), começou a me tocar enquanto conversávamos e a me olhar muito durante as aulas. Percebi essa mudança de atitude, mas não via malícia (não sabia que isso fosse indícios de que ela estava afim, não sabia nada sobre o mundo gay na época). Bem, teve um dia que ela me contou que a pessoa que ela namorava era uma garota. Meu Deus, fiquei muito feliz! Mas devido a religião reprimi isso de imediato e me afastei dela (como eu sofri por fazer isso). Ela tentou se aproximar de mim, mas eu fiquei na maior parte do tempo fechada. A última vez que nos vimos foi no fim do semestre no inglês. Ela veio toda meiga até mim e eu agi com um certo constrangimento e frieza. Resultado: no semestre seguinte, ela não estava mais lá. Tinha mudado pra outra filial, não fui atrás dela porque pensei que fosse pecado agir assim. Mas nunca descobri por que ela saiu de lá. Ficou constrangida? Se cansou de mim? Queria me esquecer? Passou a me detestar? Será que ela era lésbica mesmo ou era dessas héteros que vivem de modinha? Será que ela hoje tá com um cara? Será que ela saiu de lá por que era, na verdade, hétero e apenas queria se aventurar comigo? Será que a namorada dela percebeu e por isso ela decidiu cair fora? Será que ela apenas tava brincando comigo? Não sei, acho que nunca vou saber.

 

Reportar

Deixe um comentário

4 Comentários em "Não consigo esquecer"

Notificar-me sobre
avatar
4000
Luiz
Visitante

Menina, ela te mostrou de todas as formas que , sim é homossexual (lésbica) Sim estava a fim de namorar com você. E sim você seria feliz com ela. Vá a seu encontro, procure-a. Diga-lhe o que sente por ela. Caso nãoseja mais possivel não perca mais oportunidades de ser feliz.

Any
Visitante

Cara vocês perdem tempo a toa e sofrendo, mano vai atras dela, diz o que sentia ou sente, procure ela por redes socias e fale tudo que esta guardado. de uma chance pro amor, deus só se importa com o que tempos por dentro que é o nosso coração, e se temos como amar, independente de qual pessoa ser é AMOR, deus nos amou também nao é? entao CRIE ATITUDE E VÁ ATE ELA E FALE TUDO. cara essa vida é só uma, daqui a pouco morremos e o que fizemos dela afinal?

Maria Clara
Visitante

Bom amiga, sobre seu texto tenho a fazer dois comentários, o primeiro é que quando o cavalo passar correndo , pule em cima dele porque talvez voce não tenha outra oportunidade. Mas agora, ficar se lamentado do passado não é saudável. Na verdade não existe passado, só o momento atual e o que aconteceu só existe na sua memória, portanto, o melhor é esquecer.
.
O segundo comentário é sobre a questão religiosa. Não entendo porque algumas pessoas insistem em achar que evangélicos seriam mais moralistas que outras religiões… Isso é uma grande bobagem. A maioria dos evangélicos são ex alguma coisa, o que nos leva ao ponto de que ninguém tem o direito de te apontar o dedo, muito ao contrário, não é ensinamento daquele rapaz judeu que as pessoas devem ser tolerantes?
.
Bom, as pessoas mais religiosas e moralistas do momento atual são os radicais islâmicos, não toleram o pecado, as questões sexuais, as dificuldades humanas. Possuem uma fé que é muito maior que a de qualquer evangélico que conheça pois alem de estarem dispostos a matar em nome da religião tambem estão dispostos a morrer, alguns até se explodem. Será que os evangélicos são tão fiéis assim ? Espero que não.

XXX
Membro

Então Maria, creio que, de fato, o melhor é esquecer tudo isso. Não vou deixar a ansiedade me tomar, estou melhorando com o passar do tempo. É incrível como o tempo nos ajuda a superar certas coisas, até a oportunidade que perdemos. Não gosto de sair a noite, não sou baladeira, por isso, minha angústia, pois creio que não terei outra oportunidade. Então, com relação aos evangélicos… acredite não é porque todo o evangélico é “ex-alguma coisa” que ele é tolerante ou amável. Sou desse meio. E digo, muito pelo contrário. Infelizmente tenho visto que os católicos são mais humanos e amáveis que muitos evangélicos. Mas não os culpo por isso, somos ensinados a ser assim. Muitos de nós agem como se fizesse parte de uma seita, logo quem sai dela ou não pertence a ela, é condenado e tratado como pária (principalmente na Assembléia de Deus). Sinto dizer, mas aprendi muito mais sobre Jesus com católicos e desviados. É triste isso.

wpDiscuz