Confissões marcadas com a Tag: escola

Depressão ou apenas uma fase?

Bom, em toda a minha vida fui uma criança “solitária” digamos assim. Eu tenho um senso de humor diferente, gosto de fazer graça mas naturalmente tenho uma cara muito fechada e sou até grossa demais as vezes, sem intenção. Eu não estou a 30 anos sozinha, não vou falar isso pq é mentira. São apenas 15, sim, tenho 15 anos. Muitos de vocês vão pensar “vai estudar” e bla bla bla… eu estudo muito, a escola é a única coisa…

As pessoas só vivem em função do sexo

Olá. Bom, recentemente completei 17 anos e posso ser considerado assexual e aromático e um pouco antissocial, mas minha família, o “namorado” da minha mãe, da minha irmã, a família em geral… ficam me pressionando para eu arrumar namorada e tal… Minha mãe chega a dizer “vai procurar uma B***** em vez de ficar jogando no celular”. Eu acho isso ridículo. Eu até penso tipo qual é o propósito dessas pessoas ? Só o sexo? Não sinto um pingo de…

A minha história de amor

Esta é uma história real, quem conseguir ler até o fim deixe seu comentário, mesmo acreditando que a grande maioria não aprovará o que eu fiz. Sou homem, a história aconteceu há muito tempo, muitos de vocês que agora leem sequer eram nascidos. Eu estava no último ano do Ensino Médio, logo no primeiro dia de aula ainda na empolgação de rever os colegas, vi que na lista de chamada dos professores havia um nome diferente, uma garota que chamarei…

Minha vida escolar é uma droga

Bem, como eu precisava desabafar, vai ser aqui mesmo, por que as pessoas são tão cruéis com a gente? Bem, tudo começou ano passado, quando eu era um garoto isolado do mundo. Eu era meio solitário e não gostava de conversar, de 14 anos de vida, eu passei 12 dentro de casa, preso, apenas com a companhia de um cachorro, um computador e livros, e nesses livros que eu lia, eu aprendi que confiar em uma pessoa é realmente um…

Sofri Bullying e até hoje não superei o trauma

Sofri Bullying quando criança e hoje, aos 18 anos, ainda não superei o trauma que carrego desde a época de escola. Meus vizinhos dizem que sou estranha, pois ando sempre cabisbaixa e não falo com ninguém, não consigo trocar olhares com as pessoas, toda vez que me olham sinto vontade de chorar, sinto muito medo… Medo que riam ou falem algo que me machuque, meu coração dói só de pensar na possibilidade que todo o sofrimento passado venha à tona…